Aqui elas dão show!

Loading...

terça-feira, 17 de abril de 2012

CURIOSIDADES - Um dia eles foram componentes...

Você sabia que muitos coreógrafos de comissão de frente do Rio já foram componentes?

Pois é, num passado não muito distante alguns dos coreógrafos de destaque na atualidade figuravam entre os 15 componentes que iam pra avenida fazer toda magia acontecer.
Veja alguns deles:

Renata Monnier

A coreógrafa com passagens pela Rocinha, Lins Imperial, Império da Tijuca, Porto da Pedra, entre outras, emociona a Marquês ainda hoje pelo seu exemplo de superação. Mesmo depois de ser vítima de uma meningite que a deixou cega, continua no comando das comissões de frente. Este ano ela defendeu as cores azul e amarelo da Tuiuti, escola que a anos atrás foi componente (foto - com o leque). Ainda saindo da adolescência já fazia parte da Herdeiros da Vila.


Patrick Carvalho

Patrick Carvalho foi festejado em 2012 pela brilhante comissão de frente apresentada na escola campeã do grupo de acesso, a Inocentes de Belford Roxo.

O coreógrafo já renovou com a escola e em 2013 fará a sua estréia no Grupo Especial.

Em 2009, ano em que a Vila Isabel homenageou o Teatro Municipal, Patrick era um dos integrantes da comissão premiadíssima de Marcelo Misailidis. Mas nem tente reconhecê-lo entre os componentes... Isso porque o grande segredo da apresentação residia nas "camas/palco" que se movimentavam "sozinhas". A verdade é que 15 dos componentes eram vistos durante a apresentação e outros 15, porém não menos importantes, ficavam sob as estruturas, dando vida e direção a toda a apresentação e este era o lugar onde estava o nosso coreógrafo, que teve passagens também pela Alegria da Zona Sul.




Handerson Lopes

Handerson Lopes, fez parte das históricas comissões de frente de Fábio de Melo na Imperatriz.

Só isso, já o credencia como um dos mais importantes componentes na história do quesito.

 De lá pra cá muita coisa mudou e Handerson, coreografou alegorias, alas e... comissões de frente. No comando do quesito, teve passagens pela União da Ilha, Estácio entre outras.


Márcio Moura




Antes de se tornar coreógrafo Márcio Moura foi componente de algumas comissões no carnaval carioca, onde teve várias passagens pela Viradouro sob o comando de Jussara Pádua.

Quem não se lembra dos "Molieres" no ano em que a escola homenageou Bibi Ferreira? Pois é, nosso Márcio estava lá!


Após realizar trabalhos coreografando alegorias e alas, Márcio finalmente assume o comando das comissões de frente e vem a cada dia se firmando como um dos coreógrafos de destaque no carnaval do Rio. Em 2012, foi responsável pelas comissões da Portela e da campeã do grupo de acesso B, Caprichosos de Pilares



A Comissão do Salgueiro 2006
Esta comissão merece um destaque especial. A obrigatoriedade que faz com que a escola campeã do Grupo de Acesso e última colocada do Especial abram as duas noites de desfiles foi extinta nos anos de 2005 e 2006, cabendo respectivamente à Mocidade e ao Salgueiro,  a árdua missão de serem as primeiras a pisar na avenida nestes anos.

Em 2006, o Salgueiro levou para a avenida o enredo "Microcosmos - O que os olhos não vêem o coração sente", seres difíceis de serem avistados a olho nú e outros pequenos animais  invadiram a avenida. A comissão de frente “Tecendo a vida” comandada por Marcelo Misailidis, trazia seus componentes representando aranhas que teciam a vida e em seu pequeno universo, um elenco cheio de futuras estrelas!
Alguns nomes deste grupo, hoje são coreógrafos de sucesso!

Quer ver? A seguir os componentes ilustres desta comissão:


Jorge Teixeira


Após passagens pela Mocidade e Portela, em 2012 Jorge esteve no comando da comissão tricolor de Caxias. Na Grande Rio teve um aproveitamento de quase 100%, perdendo apenas 0,1 décimo dos jurados.
Na comissão do Salgueiro Jorge Teixeira
 era assistente de Misailidis.









 Edifranc



O  desfile da São Clemente deste ano trouxe várias novidades, entre elas Claudia Motta, marcando a sua estreia como coreógrafa no carnaval carioca. E  ao lado dela o inseparável assistente Edifranc, que no Salgueiro era um dos componentes na linha de frente da apresentação.





Rodrigo Negri

O coreógrafo mais pop da atualidade, também estava nesta comissão.
Se de um lado na linha de frente da coreografia tínhamos Edifranc, do outro tínhamos nada mais, nada menos do que Rodrigo Negri. Ele também era uma das aranhas que se apresentaram à frente da escola tijucana.

Rodrigo vem deixando todo o mundo do samba de queixo caído com suas comissões cheias de ilusionismo, mágicas e efeitos.






Na foto abaixo você pode ver logo na frente de braços para o alto Rodrigo à esquerda e Edifranc à direita.



Nenhum comentário:

Postar um comentário