Aqui elas dão show!

Loading...

sábado, 14 de abril de 2012

Justificativas 2012 - Beija flor



 “São Luís – O Poema Encantado do Maranhão" foi o enredo que inspirou a Beija Flor a tentar o bicampeonato na avenida. E estreando na escola azul e branco de Nilópolis, o coreógrafo Fábio de Melo, responsável pelas históricas comissões da Imperatriz, levou para a avenida “A Serpente Encantada e os Guerreiros Tupinambás na Ilha de Upaon-Açu”. A escola acabou sendo penalizada (-0,1), pelo fato da comissão não ter realizado a apresentação obrigatória diante do setor 3.

O QUE REPRESENTOU: 
Os índios Tupinambás, que no imaginário europeu, tinham seus corpos revestidos de ouro em pó, segundo a fantástica Lenda do Eldorado, batizaram o seu solo sagrado de Upaon-Açu; o qual esconde em suas entranhas uma lendária e monstruosa serpente que cresce incessantemente. Certo dia, quando a cabeça e a cauda da temerosa criatura encontrarem-se, uma profecia se realizará: a “Ilha Grande” imergirá para sempre, extinguindo a cidade de São Luís do mapa para toda a 
eternidade! Impedir a catástrofe consiste em encontrar uma maneira de evitar a união das extremidades do réptil colossal, mesmo que isso signifique sacrificar a mítica serpente, façanha que só poderá ser realizada pelos poderosos espíritos dos bravos guerreiros Tupinambás, evocados do passado para preservar o futuro.

CONFIRA O QUE ACHARAM OS JURADOS:

Fabiana Valor - 9,8
Concepção/Indumentária - 5,0               Apresentação/Realização - 4,8
"A proposta idealizada não foi bem concretizada (-0,1), além de que ela já iniciou com uma sequência de erros humanos. Ex: antes de sair da serpente um dos bailarinos ameaçou 2 vezes a saída, tendo que retornar ao seu lugar. E depois da saída e da formação do 'pescoço' da serpente, a cabeça ficou afastada dele tendo que se ajustar para dar continuidade a coreografia (-0,1)."

Marcus Nery M. Vabo - 10,0
Concepção/Indumentária - 5,0               Apresentação/Realização - 5,0

Paulo César Morato - 9,7
Concepção/Indumentária - 4,8               Apresentação/Realização - 4,9
"Fábio de Melo apresenta um trabalho muito baseado na ambientação cenográfica (alegoria impactante) em detrimento da coreografia em si. Além disso, a narrativa começou bem, mas depois se perdeu e o final ficou confuso.
Espetáculo ñ ganhou ritmo e ñ apresentou momento de impacto.
Dificuldade na operacionalização da saída do corpo da serpente de dentro da alegoria, logo no início da apresentação, o que prejudicou a coesão coreográfica."

Raphael David - 9,9
Concepção/Indumentária - 5,0               Apresentação/Realização - 4,9
"apresentação/realização: problemas havidos durante a execução da apresentação - quando da saída dos guerreiros do interior do elemento cenográfico (o corpo da serpente) - que apresentou falhas na coordenação, sincronia e uniformidade demonstraram que a realização da exibição da comissão de frente não foi totalmente perfeita, como se propunha de forma evidente o grupo realizar (-0,1)."

Confira a apresentação:


 UOL - BEIJA-FLOR DEVE PERDER UM DÉCIMO
A escola de samba do Rio de Janeiro Beija-Flor deve ser penalizada em um décimo de ponto por não ter apresentado a comissão de frente no setor 3, na Marquês de Sapucaí, durante desfile no Carnaval carioca. Em entrevista ao UOL, Laíla, diretor de Carnaval da Beija-Flor, confirmou a possibilidade. "A não apresentação da comissão de frente faz com que a escola perca um décimo. O próprio coreógrafo da comissão não sabia", disse. "Mas eu tinha a necessidade de fazer a escola andar, e assumo a responsabilidade."

UOL - Beija-Flor vai perder 0,1 por problemas na comissão de frente
Por Pedro Soares

O diretor de carnaval da escola de samba Beija-Flor, Laíla, disse nesta quarta-feira que a escola será penalizada em um décimo na pontuação, porque a comissão de frente não realizou a apresentação em frente à terceira cabine de jurados.
Outro problema com a comissão de frente também atrapalhou a evolução da escola, que ficou parada no começo do desfile, porque a alegoria que acompanhava a comissão de frente, teve problemas para entrar na avenida e atrasou a escola.

CARNAVALESCO - Coreógrafo da Beija-Flor elogia o elenco da comissão de frente
Por: Priscila Franco
Coreógrafo da Beija-Flor, Fábio de Mello falou sobre a comissão de frente que ensaiou.
- Em todas as cabines não perdemos nada. Os dancarinos foram guerreiros. - contrariando boatos de que os dançarinos da comissão não se apresentaram ao módulo 3 dos jurados. E ele ainda explicou o significado da dança feita -  A comissão contracenou o que seria São Luiz matando a serpente, uma lenda do Maranhão, o tema do enredo do desfile de 2012.

Um comentário:

  1. gostaria de saber q sempre tive curiosidade onde se scondiam os bailarinos da comissao de frente da beija flor em 2011 com claudia raia?

    ResponderExcluir